Síntese do Município

Dados Gerais

População estimada 2016
17757 pessoas
Área da unidade territorial 2015
374.523 km²
Densidade demográfica 2010
45.40 hab/km²
Prefeito 2017
JOAO PAULO BARBOSA LEAL SEGUNDO

Histórico

Leia
Boqueirão Paraíba - PB Histórico Segundo afirmam os historiadores, foi em meados dos século XVII que chegaram ao atual município de Boqueirão os primeiros civilizados, tendo como chefe o bandeirante baiano, Antônio de Oliveira, fundador da vila de Boqueirão, primeiro núcleo de casas de brancos que a comuna possuiu. Dentro de pouco tempo, a população do vilarejo seria aumentada de maneira muito pitoresca, segundo rezam as lendas. O capitão Pascoal de Oliveira Ledo, mulato e vaqueiro da Casa da Torre, sobrinho bastardo de Antônio de Oliveira, apaixonou-se na Bahia por uma pequena família tradicional e cheia de preconceitos. Garantem alguns cronistas que tratava mesmo de sobrinha ou filha de criação de um fidalgo de Tatuapara. Os pais não queriam nem ouvir falar em semelhante casamento. Resolveram os apaixonados fugir a cavalo, altas horas da noite, mas os cachorros deram parte. Alarmada a família, os homens acenderam archotes e saíram em perseguição ao fugitivos. De carreira em carreira, parando apenas para mudar de cavalo, os namorados alcançaram, na terceira noite, à margem direita do rio São Francisco. Nessa altura, teve Pascoal idéia bem feliz. Como houvesse muita gente aglomerada na beira do rio, disse para os curiosos: “Vou levar tição aceso, que levantarei bem alto. Se a luz não se apagar, é porque teremos chegado do outro lado do rio. Se apagar, é porque morremos afogados”. Meteu-se dentro da água, com a namorada na garupa, e chicoteou o cavalo. Alcançando o meio do rio, deixou cair o tição. Quando os perseguidores chegaram horas mais tarde, receberam a notícia de que o casal de namorados havia perecido. Gentílico: boqueirãoense Formação Administrativa Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, figura no município de Cabaceiras o distrito de Boqueirão. No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o distrito de Boqueirão figura no município de Cabaceiras. Pelo decreto-lei estadual nº 520, de 31-12-1943, o distrito de Boqueirão passou a denominar-se Carnoió. Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o distrito já denominado Carnoió, figura no município de Cabaceiras. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1955. Elevado à categoria de município com a denominação de Carnoió, pela lei estadual nº 2078, de 30-04-1959, desmembrado de Cabaceiras. Sede no antigo distrito de Carnoió. Constituído do distrito sede. Instalado em 30-11-1959. Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 5 distritos: Carnoió, Alcantil, Bodocongó, Caturité e Riacho de Santo Antônio. Pela lei estadual nº 2311, de 27-06-1961, o município de Carnoió passou a denominar-se Boqueirão. Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 5 distritos: Boqueirão ex-Carnoió, Alcantil, Bodocongó, Caturité e Riacho de Santo Antônio. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 18-VIII-1988. Pela lei estadual nº 5051, de 06-07-1988, é criado o distrito de Marinho e anexado ao município de Boqueirão. Em divisão territorial datada de 17-I-1991, o município é constituído de 6 distritos: Boqueirão, Alcantil, Bodocongó, Caturité, Riacho de Santo Antônio, Marinho. Pela lei estadual nº 5885, de 29-04-1994, desmembra o município de Boqueirão o distrito de Riacho de Santo Antônio. Elevado à categoria de município Pela lei estadual nº 5890, de 29-04-1994, desmembra o município de Boqueirão o distrito de Caturité. Elevado à categoria de município. Pela lei estadual nº 5925, de 29-04-1994, desmembra do município de Boqueirão o distrito de Bodocongó. Elevado á categoria de município com a denominação de Barra de Santana. Pela lei estadual nº 5926, de 29-04-1994, desmembra o município de Boqueirão o distrito de Alcantil. Elevado à categoria de município Pela lei nº , de , é criado o distrito de Mororó e anexado ao município de Boqueirão. Em divisão territorial datada de 15-VII-1997, o município é constituído de 2 distritos: Boqueirão e Marinho. Não figurando o distrito de Mororó, pois o mesmo fora criado e não instalado. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007. Alteração toponímica municipal Boqueirão para Carnoió alterado, pelo decreto-lei estadual nº 520, de 31-12-1943. Carnoió para Boqueirão alterado, pela lei estadual nº 2311, de 27-06-1961.

Economia

Educação

Frota

População

Saúde

QR code
{ "codmun": "2502508" }