Síntese do Município

Dados Gerais

População estimada 2016
14.524 pessoas
Área da unidade territorial 2015
1.320,26 km²
Densidade demográfica 2010
11,51 hab/km²
Prefeito 2017
LAERTH VIEIRA FILHO

Histórico

Leia
Água Boa Minas Gerais - MG Histórico A região contou em seus primórdios com a presença do elemento indígena. No caso do município, habitado primitivamente por índios aranans, presume-se que membros de algumas famílias de desbravadores deliberaram fixar-se nestas paragens. Por volta de 1832, Geraldo Luiz, Tomáz Luiz e Sebastião Luiz Pêgo, trazendo seus parentes, ergueram às margens do Rio Surubi suas moradias, dando início à fundação de um arraial. Tomás Pêgo conquistou o convívio de remanescentes aranans, conseguindo construir uma capela em outro ponto, às margens do Ribeirão Santo Antônio, por volta de 1835. Outra povoação denominada Catequese, foi iniciada em 1850 pelo Frei Bernardino do Lago Negro, da Ordem dos Capuchinhos, por ordem governamental, para aldeamento dos indígenas. A maioria dos índios, todavia, preferia ficar no núcleo de Tomás Pêgo, ou seja, o povoado Santo Antônio. Foram aparecendo novas famílias e os trabalhos agrícolas eram o atrativo para que as pessoas fixassem nas circunvizinhanças. Em 11 de setembro de 1855, José Joaquim Carneiro e sua esposa, Ana Felícia da Silva, doaram terrenos para formação do patrimônio municipal, às margens do ribeirão Água Boa. Para este local logo se transferiram com seus parentes, entre outros, Bernardo Rodrigues da Silva, Joaquim Cardoso da Cruz, Anacleto Rodrigues da Silva, Antônio Rodrigues da Silva e Antônio Nunes da Cruz. Gentílico: aguaboense Formação Administrativa Distrito criado com a denominação de Água Boa, por leis provinciais nº 2376, de 5-09-1877 e nº 3063, de 31-10-1882 e por lei estadual nº 2, de 14-09-1891, subordinado ao município de Minas Novas. Pela lei estadual nº 556, de 30-08-1911, o distrito de Água Boa deixa de pertencer ao município de Minas Novas para ser anexado ao de Capelinha. Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de Água Boa figura no município de Capelinha. Pelo decreto-lei estadual nº 148, de 17-12-1938, o distrito de Água Boa adquiriu parte do território do município de Santa Maria do Suassuí. No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o distrito de Água Boa figura no município de Capelinha. Elevado à categoria de município com a denominação de Água Boa, pela lei estadual nº 1039, de 12-12-1953, desmembrado de Capelinha. Sede no antigo distrito de Água Boa. Constituído do distrito sede. Instalado 01-01-1954. Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005. Pela lei nº 737, de 29-05-2005, de 2005, é criado o distrito de Palmeira de Resplendor e anexado ao município de Água Boa. Em divisão territorial datada de 2007, o município é constituído de 2 distritos: Água Boa e Palmeira de Resplendor.

Economia

Educação

Frota

População

Saúde

QR code
{ "codmun": "3100609" }