Síntese do Município

Dados Gerais

População estimada 2016
7.559 pessoas
Área da unidade territorial 2015
568,263 km²
Densidade demográfica 2010
12,17 hab/km²
Prefeito 2017
SEBASTIÃO ALVES DOS SANTOS

Histórico

Leia
Curral de Dentro Minas Gerais - MG Histórico Há quarenta anos, Curral de Dentro era apenas um lugarejo, onde o primeiro habitante era um Sr. Chamado Capitão Raimundo, que era dono de toda esta área cercada por vegetação denominada 'Gerais' e 'matagal', cercado por lagoas que receberam o nome de: Lagoa de Curral de dentro, Lagoa da Laje, Lagoa da Fortuna, Lagoa Funda, Lagoa do Marinheiro, Lagoa no Nero, Lagoa do Gerais, Lagoa Formosa, Lagoa do Cambucão, Lagoa do Capão e Lagoa do Piripiri. A maior destas lagoas é a Lagoa de Curral de Dentro, localizada dentro da cidade, onde muitas crianças e jovens se divertiam em suas proximidades, antigamente. Algumas, são lagoas temporárias e são localizadas nas proximidades do Município, no meio rural. O Sr. Ramirão possuía muito gado e construiu um curral grande e um menor dentro deste, para separar o gado. É por esse motivo que a cidade recebeu o nome de Curral de Dentro. Os currais foram construídos na atual Praça Miguel Alves dos Santos e serviam para os fazendeiros, seus capatazes e vaqueiros prenderem o gado, quando passavam pela região e precisavam pernoitar, sem se preocupar. Após a morte do Capitão Ramirão, algumas famílias começaram a povoar esta região, sendo o pioneiro, o Major Catolino, que trouxe várias mulheres com a intenção de povoar a região. Com o passar do tempo, muitas delas foram embora e Curral de Dentro tornou-se uma vila com poucas famílias. As casas eram feitas de enchimento ou de madeiras entrelaçadas, amarradas com cipó e revestidas com barro. Tinha como atividade agrícola a plantação de feijão, arroz, milho, cana-de-açúcar e mandioca, que era utilizada na fabricação de farinha, para o consumo apenas dos moradores e era produzida em casas de roda. Apesar do pouco comércio, a farinha que se produzia era comercializada fora, entre os povoados de Pedra Azul e Taiobeiras. Desses locais onde se comercializava a farinha, traziam rapadura e sal. Com o clima e solo favoráveis, a população foi aumentando. Vieram para cá: o Sr. Zé Caturra, que hospedava o Padre em sua casa e as missas eram celebradas embaixo de um pé de mulungu e o padre que veio a Curral de Dentro Chamava-se Emanoel; veio também a família do Sr. Marcionílio, filho de Ferraz, que trouxe o primeiro carro à vila, desviando de 'tocos', porque as estradas eram apenas para transporte de animais. Formação Administrativa Distrito criado com a denominação de Curral de Dentro, pela Lei Estadual nº 6769, de 13-05-1976, subordinado ao município de Águas Vermelhas. Em divisão territorial datada de I-I-1979, o distrito de Curral de Dentro, figura no município de Águas Vermelhas. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1993. Elevado á categoria de município com a denominação de Curral de Dentro, pela Lei Estadual nº 12030, de 21-12-1995, desmembrado de Àguas Vermelhas. Sede no antigo distrito de Curral de Dentro. Constituído do distrito sede. Instalado em 01-01-1997. Em divisão territorial datada de 1999, o município é constituído do distrito sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2001. Pela Lei nº 138, de 08-12-2003, é criado o distrito de Maristela e anexado ao município de Curral de Dentro. Em divisão territorial datada de 2005, o município é constituído de 2 distritos: Curral de Dentro e Maristela. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Economia

Educação

Frota

População

Saúde

QR code
{ "codmun": "3120870" }