Síntese do Município

Dados Gerais

População estimada 2016
48.096 pessoas
Área da unidade territorial 2015
1.343,04 km²
Densidade demográfica 2010
34,08 hab/km²
Prefeito 2017
SAULO FALEIROS CARDOSO

Histórico

Leia
Monte Carmelo Minas Gerais - MG Histórico Esta região era habitada por índios, conforme provas encontradas em diversos lugares, tais como: machados de pedra, potes, roletes, etc. Eram índios das tribos ″Caiapós″ e ″Araxás″. Os primeiros movimentos que deram origem ao nosso povoado tiveram início em 1840. Moradores de São João Del Rei e Itapecerica, vieram para cá atraídos pela descoberta de garimpos diamantíferos em Estrela do Sul, que na época se chamava ″Bagagem″. Por causa do ambiente dos garimpos, pouco recomendado a famílias e também devido ao clima saudável e à excelente água de nossa região, os garimpeiros deixavam aqui suas famílias. Estas pessoas se instalaram às margens do ″Córrego Mumbuca″, onde é hoje o bairro Tamboril. Havia aqui, uma generosa fazendeira, D. Clara Chaves, que doou um terreno de seis léguas quadradas aos moradores, para construírem uma capela para N. Sra. do Carmo, de quem era devota. Nesta área, onde hoje é a Praça da Matriz, os moradores fizeram suas casas em torno da primeira Igreja e assim formou-se o ″Arraial do Carmo da Bagagem″. Em 1882, o ″Arraial″ foi elevado à categoria de ″Vila″, passando a chamar-se ″Nossa Senhora do Carmo da Bagagem″. Em 1892,, a ″Vila″ é elevada à categoria de cidade e em , a cidade passou a denominar-se ″Monte Carmelo″. Monte Carmelo é o nome de uma montanha existente no litoral de Israel, nas proximidades da cidade de Haifa. ″Carmelo″, em hebraico, significa ″uvas de Deus″, e como Carmo da Bagagem situa-se próximo a um monte semelhante ao da antiga Palestina, onde se encontra a sede da Congregação das Carmelitas, adotaram o nome de Monte Carmelo, em consideração ao local onde se fundou a Ordem de Nossa Senhora do Carmo e também ao monte nas proximidades da cidade. Nessa ocasião o município de Monte Carmelo abrangia cinco distritos de paz: Monte Carmelo (sede), Douradoquara, Iraí de Minas, Nossa Senhora D′ Abadia de Água Suja e São Sebastião da Ponte Nova. Formação Administrativa Distrito criado com a denominação de Carmo da Bagagem, pela Lei Provincial nº 1650, de de 14-09-1870, e Lei Estadual nº 2, de 14-09-1891, subordinado ao município de Bagagem (mais tarde Estrela do Sul). Pela Lei Provincial nº 1900, de 19-07-1872, e Lei Estadual nº 2, de 14-09-1891, é criado o distrito de Água Suja e anexado ao município de Carmo da Bagagem. Elevado á categoria de vila com a denominação de Carmo da Bagagem, pela Lei Provincial nº 2972, de 06-10-1882. desmembrado de Bagagem. Sede na povoação de Carmo da Bagagem. Constituído do distrito sede. Instado em 07-01-1889. Pela Lei Estadual nº 2, de 14-09-1891, forma criados os distritos de Espírito Santo do Cemitério e São Sebastião da Ponte Alta e anexados ao município de Carmo da Bagagem. Elevado à condição de cidade com a denominação de Carmo da Bagagem, pela Lei Estadual nº 23, de 24-05-1892. Pela Lei Estadual nº 286, de 25-06-1900, o município de Carmo da Bagagem tomou o nome de Monte Carmelo. Pela Lei Estadual nº 513, de 11-10-1909, o distrito de Espírito Santo do Cemitério passoua chamar-se Irai. Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído de 4 distritos: Monte Carmelo (ex-Carmo da Bagagem), Água Suja, Boa, Irai (ex-Espírito Santo do Cemitério) e São Sebastião da Ponte Alta. Assim permanecendo nos quadros de apuração do recenseamento geral de 1-I-1920. Pela Lei Estadual nº 843, de 07-09-1923, é criado o distrito de Doradoquara e anexado ao município de Monte Carmelo. Pela mesma Lei Estadual acima citado o distrito de Água Suja tomou a denominação de Nossa Senhora da Abadia da Água Suja. Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município é constituído de 5 distritos: Monte Carmelo, Doradoquara, Iraí, Nossa Senhora da Abadia da Água Suja e São Sebastião da Ponte Alta. Assim em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937. Pelo Decreto-Lei Estadual nº 148, de 17-12-1938, o distrito de Nossa Senhora da Abadia da água Suja tomou a denominação de Romaria. Pela mesma lei estadual acima citado o distrito de São Sebastião da Ponte Alta foi extinto, sendo seu território anexado ao distrito sede do município de Nova Ponte. No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 4 distritos: Monte Carmelo, Doradoquara, Irai e Romaria (ex-Nossa Senhora da Abadia da Água Suja). Pelo Decreto-Lei Estadual nº 1058, de 31-12-1943, o distrito de Irai passou a denominar-se Bagagem. Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o município permanece constituído de 4 distritos: Monte Carmelo, Bagagem (ex-Iraí), Doradoquara e Romaria. Pela Lei Estadual nº 1039, de 12-12-1953, o distrito de Bagagem passou a chamar-se Irai de Minas. Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o município é constituído 4 distritos: Monte Carmelo, Doradoquara, Irai de Minas (ex-Bagagem) e Romaria. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1960. Pela Lei Estadual nº 2764, de 30-12-1962, desmembra do município de Monte Carmelo os distritos de Douradoquara (ex-Doradoquara), Irai de Minas e Ramaria elevandos á categoria de município. Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído do distrito sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007. Alteração toponímica municipal Carmo da Bagagem para Monte Carmelo, alterado pela Lei Estadual nº 286, de 25-06-1900.

Economia

Educação

Frota

População

Saúde

QR code
{ "codmun": "3143104" }