Síntese do Município

Dados Gerais

População estimada 2016
8.357 pessoas
Área da unidade territorial 2015
283,42 km²
Densidade demográfica 2010
28,75 hab/km²
Prefeito 2017
MARIO SERGIO DOS SANTOS

Histórico

Leia
Nova Fátima-PR Histórico Os primeiros moradores da região onde hoje se localiza o Município de Nova Fátima, foram, João Canedo, Pedro Marçal Ribeiro, João Batista Fróes, Sebastião Nicolau Fróes, José Fernandes Fróes, Martiniano de Campos e Rosa Adriano Consolim. Esses pioneiros fundaram no local, em terras então pertencentes à Maria da Conceição de Carvalho Macedo, uma pequena povoação que recebeu a denominação de Divisora, por servir de divisa entre três fazendas. Em 1940, chegou à região, Antônio José Fogaça, também conhecido por Antônio da Luz, o qual adquiriu 10 alqueires de terras próximas ao povoado de Divisora, loteando-os com objetivo de ali fundar um Patrimônio. Daí em diante, toda a localidade passou a ser conhecida como 'Patrimônio da Luz', por influência do apelido de seu proprietário. Como pioneiros e fundadores do Patrimônio da Luz, destacaram-se, também, Gustavo Schenfelder, Lupércio Amaral Soares e Carlos Ross, que promoveram o loteamento de suas terras ampliando a área do povoado. Em 1944, foi inaugurada a capela de Nossa Senhora da Luz, padroeira da localidade, passando, dessa data em diante, também o povoado a assim denominar-se. Posteriormente, o Patrimônio passou a ser conhecido pelo nome de Tulhas em substituição à denominação anterior a Nossa Senhora da Luz. Em 1947, foi criado o Distrito Administrativo de Tulhas, pertencendo ao Município de Congonhinhas e, em 1951, foi elevado à categoria de município, tendo o seu nome mudado de Tulhas para Nova Fátima. A denominação de Nova Fátima dada ao município, foi sugerida por Dom Geraldo de Proença Sigaud, bispo de Jacarezinho, por ter encontrado certa semelhança entre a topografia local e a de Fátima, em Portugal. Gentílico: fatimense Formação Administrativa Distrito criado com a denominação de Tulhas (ex-povoado), pela lei estadual n.º 2, de 10-12-1947, subordinado ao município de Congonhinhas. Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o distrito permanece no município de Congonhinhas. Elevado à categoria de município com a denominação de Nova Fátima, pela lei estadual n.º 790, de 14-11-1951, desmembrado de Congonhinhas. Sede no povoado de Tulhas, atual Nova Fátima. Constituído do distrito sede. Instalado em 14-12-1952. Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 14-V-2001. Alteração Toponímica Distrital: Tulhas para Nova Fátima alterado, pela lei estadual n.º 790, de 14-11-1951.

Economia

Educação

Frota

População

Saúde

QR code
{ "codmun": "4117008" }