Aniversários dos Municípios
< Voltar
Selecionar local
Estados
Municípios
Todos
Por estado
Selecione o estado:
  • Acre
  • Alagoas
  • Amapá
  • Amazonas
  • Bahia
  • Ceará
  • Distrito Federal
  • Espírito Santo
  • Goiás
  • Maranhão
  • Mato Grosso
  • Mato Grosso do Sul
  • Minas Gerais
  • Paraná
  • Paraíba
  • Pará
  • Pernambuco
  • Piauí
  • Rio Grande do Norte
  • Rio Grande do Sul
  • Rio de Janeiro
  • Rondônia
  • Roraima
  • Santa Catarina
  • Sergipe
  • São Paulo
  • Tocantins
0 de 5570 municípios

Nenhum município encontrado.

Nenhum município encontrado.

Fórum Des. Antonio Carlos Souto : Camacan, BA - [19--]
Terminal Rodoviário Joviano Pinheiro de Moura : Camacan, BA - [19--]
Prefeitura Municipal : Camacan, BA - [19--]

História

CAMACAN - BA

Em 1892 um grupo de agricultores, residentes à margem do Rio Pardo , fez uma viajem de reconhecimento até às nascentes do Rio Panelão. Esta excursão foi comandada por Antônio Elias Ribeiro e Manoel Elias Ribeiro, que fizeram o plantio dos primeiros cacauais na região.
As enchentes do Rio Pardo, em 1895 e em 1905, destruindo grande parte das lavouras às suas margens, provocaram uma emigração dos agricultores locais. Muitos se fixaram no vale do Panelão, onde podiam desenvolver o planto de cacau sem o perigo das enchentes.
A grande cheia do Rio Pardo, em 1914, expulsando mais gente para o vale do Panelão, fez surgir os primeiros núcleos de povoação da atual cidade de Camacan. Este nome vem de seus primitivos habitantes, os índios Camacã.
Entre as figuras que tiveram atuação destacada na fixação e no desenvolvimento de Camacã estão Anízio Loureiro, José Barbosa, João Manoel, Eulino Vasconcelos, Urbano Soares, Jonga Veloso, João Barreto, Miguel Domingues, José Francisco, Os Guimarães e muitos outros.
A primeira estrada de penetração ao vale do rio Pardo foi aberta em 1932 por iniciativa de Dr. João Vargens. Mais tarde, em 1946 essa estrada se estendeu desde a região do Vargito até a cidade de Itabuna, Ligando Camacan e toda aquela área ao centro das lavoura cacaueira.
Em 30 de dezembro de 1953, através da Lei n.º 628, Camacan foi elevada a categoria de Distrito. Posteriormente, em 30 de agosto de 1961, Camacan passou a Município, através da Lei n.º 1.465, publicada no Diário Oficial de 1º de setembro de 1961. Contudo, a sua instalação só veio a ocorrer em 7 de abril de 1963, sendo Boaventura Ribeiro Moura o seu primeiro administrador. O seu sucessor, Anízio Vivas Mendes, nomeado interventor pelo Presidente Humberto de Alencar Castelo Branco, governou até setembro de 1966.
Eleito em 15 de novembro de 1966, Estácio Carlos Araújo assumiu o Executivo Municipal em 1967. Em maio de 1970, assume o cargo de administrador Osvaldo Antônio Valverde, na época Presidente da Câmara.
Em 2 de junho do mesmo ano, Diogo Lopes dos Anjos, assume a prefeitura de Camacan até dezembro de 1970. Seu sucessor, Flaviano de Jesus Filho governou no período 71/72. O padre Auxêncio da Costa Alves foi eleito e empossado a 1º de fevereiro de 1973.
Camacan está situada na Microrregião cacaueira do Estado com uma área de 635,2 km2, e limita-se com os municípios de Jussari, Arataca, Santa Luzia, Mascote, Potiraguá, Pau ? Brasil e Itajú do Colônia.
© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística | v4.3.16.1