Aniversários dos Municípios
< Voltar
Selecionar local
Estados
Municípios
Todos
Por estado
Selecione o estado:
  • Acre
  • Alagoas
  • Amapá
  • Amazonas
  • Bahia
  • Ceará
  • Distrito Federal
  • Espírito Santo
  • Goiás
  • Maranhão
  • Mato Grosso
  • Mato Grosso do Sul
  • Minas Gerais
  • Paraná
  • Paraíba
  • Pará
  • Pernambuco
  • Piauí
  • Rio Grande do Norte
  • Rio Grande do Sul
  • Rio de Janeiro
  • Rondônia
  • Roraima
  • Santa Catarina
  • Sergipe
  • São Paulo
  • Tocantins
0 de 5570 municípios

Nenhum município encontrado.

Nenhum município encontrado.

Fotos

Criação de gado no caminho para Astolfo Dutra (MG) - s.d
Rua Prefeito José Vieira (MG) - s.d
Praça principal de Astolfo Dutra (MG) - s.d
Rua em Astolfo Dutra (MG) - s.d
Vale vendo-se ao fundo o munícipio de Astolfo Dutra (MG) - s.d
Carroça de transporte de gêneros alimentícios (MG) - s.d
Veja mais fotos

História

Astolfo Dutra
Minas Gerais - MG

Histórico

Por volta de 1770, desbravadores paulistas e portugueses aportaram na região onde se desenvolveu o município, às margens do rio pomba, atraídos não só pela riqueza aurífera, como pelas terras férteis e caça e pesca abundantes. Entre esses primeiros moradores estão Ângelo Gomes Moreira, João Marques da Costa e Afonso de Lemos, que doaram terrenos para o patrimônio e construíram a Capela de Santo Antônio, em 1816. O núcleo que se formava tinha o nome de santo Antônio do Porto Alegre de Ubá.
Inicialmente o ouro e, depois, a fertilidade do solo provocou o incremento da agricultura, propiciando o progresso da localidade.
O pequeno porto existente no rio pomba determinou a mudança do nome para Porto de Santo Antônio.
Em homenagem ao ilustre homem público, advogado e Deputado Federal, Astolfo Dutra Nicácio, natural de Cataguases, o município recebeu o topônimo de Astolfo Dutra, pelos grandes serviços prestados às comunidades da região.

Gentílico: astolfodutrense.

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Porto de Santo Antônio, pela lei provincial nº 2035, de 01-12-1873, e por lei nº 2, de 14-09-1891, subordinado ao município de Pomba.
Pela lei provincial nº 3589, de 28-08-1888, o distrito de Porto de Santo Antônio deixa de pertencer ao município de Pomba para ser anexado ao de Cataguases.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o distrito de Porto de Santo Antônio, figura no município de Cataguases.
Assim permanecendo em divisões territoriais datada de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.
Elevado à categoria de município com a denominação de Astolfo Dutra, pelo decreto-lei estadual nº 148, de 17-12-1938, desmembrado de Cataguases. Sede no atual distrito de Astolfo Dutra ex-Porto de Santo Antõnio. Constituído de 2 distritos: Astolfo Dutra e Dona Euzébia. Instalado em
Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o município de Astolfo Dutra é constituído de 2 distritos: Astolfo Dutra e Dona Eusébia.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1960.
Pela lei estadual nº 2764, de 30-12-1962, são criados os distritos de Santana do Campestre e Sobral Pinto e anexado ao município de Astolfo Dutra. Sob a lei acima citada, desmembra do município de Astolfo Dutra o distrito de Dona Euzébia. Elevado à categoria de município.
Em divisão territorial datada de 1-I-1979, o município é constituído de 3 distritos: Astolfo Dutra, Santana do Campestre e Sobral Pinto.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alteração toponímica distrital
Porto de Santo Antônio para Astolfo Dutra alterado, pelo decreto-lei n 148, de 17-12-1938.


Transferência distrital
Pela provincial n 3589, de 28-08-1888, transfere o distrito de Porto de Santo Antônio do município de Pombas para o de Cataguases.

Fonte

IBGE
© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística | v4.3.41