Aniversários dos Municípios
< Voltar
Selecionar local
Estados
Municípios
Todos
Por estado
Selecione o estado:
  • Acre
  • Alagoas
  • Amapá
  • Amazonas
  • Bahia
  • Ceará
  • Distrito Federal
  • Espírito Santo
  • Goiás
  • Maranhão
  • Mato Grosso
  • Mato Grosso do Sul
  • Minas Gerais
  • Paraná
  • Paraíba
  • Pará
  • Pernambuco
  • Piauí
  • Rio Grande do Norte
  • Rio Grande do Sul
  • Rio de Janeiro
  • Rondônia
  • Roraima
  • Santa Catarina
  • Sergipe
  • São Paulo
  • Tocantins
0 de 5570 municípios

Nenhum município encontrado.

Nenhum município encontrado.

Fotos

Não há fotos para este município

História

NOTAS HISTORICAS
Fala-se que os indios caraguases tenham sido os primeiros habitantes desta região, e que nos finais do seculo XVII, a expedição de Fernão dias passou por estas terras, em busca de ouro. Entretanto, a ocupação de São Thome das letras, se inicia com a ereção de uma capela em Louvor a São Thome, por provisão de 23 de março de 1770, a pedido do Pe. Francisco Alves Torres, e construida, pelo fazendeiro João Francisco Junqueira, proxima a gruta em que foi encontrada a imagem do Santo. Mais Tarde, em 1785, no local da Capela foi edificada a atual Matriz, que tem trabalhos artisticos de Joaquim Jose da Natividade, discipulo de Aleijadinho. Desde a formação do povoado, os principais nomes ligados ao seu desenvolvimento são: Pe. João Ribeiro Maia (vigario), João Francisco Junqueira, Gabriel Francisco de Andrade junqueira (Barão de Alfenas), Jose Leoncio de Andrade Penha, Guilherme Jose Pereira, Jose Justino Alves, José da Costa Rezende.
A ocupação de São Thome das letras se inicia em 1770, com a construção de uma ermida. Seus primeiros habitantes civilizados dedicavam-se à exploração agricola e pecuaria, e mais tarde iniciou o extrativismo mineral com a extração de pedras quartzito
A origem da cidade esta cercada de lendas. A primeira delas diz que, em 1770, um escravo fugido da fazenda Campo alegre, e morando numa gruta no alto da serra certo dia recebeu a visita de um estranho de maneiras finas e, depois de alguma conversa entre ambos, o desconhecido fez daquele escravo João Antão um mensageiro ao antigo senhor. Lida a mensagem, o fazendeiro João Francisco Junqueira partiu para o local onde encontrou apenas a imagem de Sãp Thome. Neste local o fazendeiro mandou construir uma ermida dedicada ao Santo..
A outra lenda diz 'da existencia de uma santo jusuita, desejoso de santificação, o qual, transportando-se para aquela serra, se fez acompanhar de uma imagem do apostolo São Thome. Vivia numa gruta, absorto na contemplação davina. A gruta se distinguia pelos desenhos semelhantes a Letras. Querendo o povo aludir à residencia daquele filho de Santo Inacio, dizia: a gruta de São Thome das Letras'.
Outra versão relata que 'os indios cataguases habitavam as tocas e atribuiam a autoria das inscrições a 'Sumé', uma personalidade lendaria de uma homem branco que aparecia aos indigenas brasileiros, ensinando-lhes a agricultura, a moral e impondo-lhes regras de conduta'.
Entretanto pressupoe-se que a imagem de São Thome, encontrada na gruta, tenha sido esquecida naquele lugar por um dos integrantes de expedições dos bandeirantes em busca de ouro.
No toponimo do municipio, q denominação 'São Thome' refere-se à imagem do apostolo encontrada na gruta; e a expressão 'das Letras' devido a inscrições em forma de letras, de cor vermelha, gravadas na parte superior da gruta.
FORMAÇÃO ADMINISTRATIVA
A formação do povoado de São Thome das letras se deu no final do seculo XVIII, apos a construção da capela em 1770.
De acordo com a Lei Provincial nº 164, de 09 de março de 1840, o povoado foi elevado a Freguesia, criando a paroquia então pertencente a Freguesia de Nossa Senhora da Conceição, em Carrancas, termo de São João Del rei. Em 24 de março de 1841 foi instituida cononicamente, sendo o primeiro vigario Pe. João Ribeiro Maia, passando a pertencer a Baependi.
A Lei nº 202, de 1º de abril de 1841 transferiu a freguesia do Muncipio de Baependi para o de Lavras.
Na divisão Administrativa do Brasil-1911, o Distrito de São Thome das Letras pertencia novamente ao Municipio de Baependi.
Finalmente, a Lei Estadual nº 2.764 de 30 de dezembro de 1962, ratificada em 30 de agosto de 1966, elevou São Thome das Letras à condição de Municipio, sendo então desmembrado do Municipio de Baependi
FORMAÇÃO JUDICIARIA:
O Municipio de São Thome das Letras jurisdiciona-se ao Termo e Comarca de Baependi e hoje a Tres Corações. Possue Cartorio de registro Civil e notas e Delegacia de Policia

Fonte

IBGE
© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística | v4.3.39