Aniversários dos Municípios
< Voltar
Selecionar local
Estados
Municípios
Todos
Por estado
Selecione o estado:
  • Acre
  • Alagoas
  • Amapá
  • Amazonas
  • Bahia
  • Ceará
  • Distrito Federal
  • Espírito Santo
  • Goiás
  • Maranhão
  • Mato Grosso
  • Mato Grosso do Sul
  • Minas Gerais
  • Paraná
  • Paraíba
  • Pará
  • Pernambuco
  • Piauí
  • Rio Grande do Norte
  • Rio Grande do Sul
  • Rio de Janeiro
  • Rondônia
  • Roraima
  • Santa Catarina
  • Sergipe
  • São Paulo
  • Tocantins
0 de 5570 municípios

Nenhum município encontrado.

Nenhum município encontrado.

Carregamento de carvão na via férrea em Peixe-Boi (PA) - déc. 50
Praia artificial em Peixe-boi (PA) - déc. 50
Carregamento de juta em Peixe-Boi (PA) - déc. 50

História

Peixe-Boi
Pará - PA

Histórico

O desbravamento da região, onde está situado o atual município, teve início em 1885, quando os primeiros colonos subiram o rio Peixe-boi e se estabeleceram em sua confluência com rio Timboteua e igarapé Jaburu.
O território de Peixe-boi, localizado a nordeste do Estado do Pará, pertenceu, inicialmente, ao município de Nova Timboteua, donde foi desmembrado. Sabe-se que, em tempos remotos, ali existiu uma estação da extinta estrada de ferro de Braganç. Inaugurada em 1907. Em decorrência dessa estrada, surgiram diversas povoações que originaram os atuais municípios da zona bragantina.
Com a expansão das culturas da fibra e da malva, entre outras, a localidade se desenvolveu e, em 1961, adquiriu categoria de município e sua Sede foros de Cidade.
O topônimo deve-se ao rio que banha o município e, também, ao fato de existir, nos rios e lagos da Amazônia, o peixe-boi, mamífero da família dos triquequideos, gênero trichehus, que se alimenta das ervas ribeirinhas e chega a medir 3 metros de comprimento, pesando até 2.000 quilos.

Gentílico: pixe-boiense

Formação Administrativa

Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, figura no município de João Pessoa o distrito de Peixe-Boi.
Pelo decreto-lei estadual nº 2972, de 31-03-1938, o município de João Pessoa passou a denominar-se Igarape-Açu, passando o distrito de Peixe-Boi a figurar no município de Igarapé-Açu.
No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o distrito de Peixe-Boi figura no município de Igarapé-Açu ex-João Pessoa.
Pelo decreto-lei estadual nº 4505, de 30-12-1943, desmembra do município de Igarapé-Açu o distrito de Peixe-Boi para formar o novo município de Nova Timboteua.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o distrito de Peixe-Boi, permanece no município de Nova Timboteua.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1960.
Elevado à categoria de município com a denominação Peixe-Boi, pela lei estadual nº 2460, de 29-12-1961, desmembrado de Nova Timboteua. Sede no antigo distrito de Peixe-Boi. Constituído de 2 distritos: Peixe-Boi e Tauarzinho.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.

Transferências distritais
Pelo decreto-lei estadual nº 2972, de 31-03-1938, transfere o distrito de Peixe-Boi domunicípio de João Pessoa para o de Igarapé-Açu.
Pelo decreto-lei estadual nº 4505, de 30-12-1943, transfere o distrito de Peixe-Boi domunicípio de Igarape-Açu para o município de Nonatimboteua.

Fonte

IBGE
© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística | v4.3.18.0