Aniversários dos Municípios
< Voltar
Selecionar local
Estados
Municípios
Todos
Por estado
Selecione o estado:
  • Acre
  • Alagoas
  • Amapá
  • Amazonas
  • Bahia
  • Ceará
  • Distrito Federal
  • Espírito Santo
  • Goiás
  • Maranhão
  • Mato Grosso
  • Mato Grosso do Sul
  • Minas Gerais
  • Paraná
  • Paraíba
  • Pará
  • Pernambuco
  • Piauí
  • Rio Grande do Norte
  • Rio Grande do Sul
  • Rio de Janeiro
  • Rondônia
  • Roraima
  • Santa Catarina
  • Sergipe
  • São Paulo
  • Tocantins
0 de 5570 municípios

Nenhum município encontrado.

Nenhum município encontrado.

Fotos

Vegetação nas encostas no Cabo de Santo Agostinho (PE) - 1956
Plantação de Araruta em Cabo de Santo Agostinho (PE) - 1955
Plantação de Araruta em Cabo de Santo Agostinho (PE) - 1955
Casa no Cabo de Santo Agostinho (PE) - 1955
Ruínas do Forte de Nazaré em Cabo de Santo Agostinho (PE) - 1955
Forte do Castelo do Mar em Cabo de Santo Agostinho (PE) - 1955
Veja mais fotos

História

Cabo de Santo Agostinho Pernambuco - PE

Histórico
O início da colonização na região data de 1536, com o donatário Duarte Coelho. Em 1554, sua viúva dirigiu a capitania, enquanto aguardava o regresso de Portugal de seus filhos Duarte e Jorge de Albuquerque Coelho. Ao chegarem, em 1560, intensificaram as ações para expulsar os índios Caetés, e mais tarde, participaram da luta contra os franceses expulsos do Rio de Janeiro por Mem de Sá. Terminada a campanha, foram doadas em sesmarias as circunvizinhanças do Cabo de Santo Agostinho a diversos nobres, sendo fundados inúmeros engenhos. Em 1593, as terras do atual Município foram elevadas à freguesia, em fase de grande prosperidade.
Em 1631, todavia, Cabo foi atacado pelos holandeses que dominaram a região até 1654. Após a expulsão dos invasores, as propriedades foram restituídas a seus donos e restabelecidas as atividades.
Com o território desmembrado do de Recife e sede na Vila do Cabo de Santo Agostinho, criou-se o Município em 1811, sendo extinto em 1846 e restaurado em 1849. Elevada à Cidade como Santo Agostinho do Cabo, em 1911, o Município passou a chamar-se Cabo.
Gentílico: cabense

Formação Administrativa
Freguesia criada com a denominação de Cabo de Santo Agostinho, por previsão de 0909-1622 e por lei municipial nº 3, de 07-12-1892.
Elevado à categoria de vila com a denominação de Vila do Cabo de Santo Agostinho, por alvará de 27-07-1811 e provisão de 15-02-1812, desmembrado de Recife. Instalado em 18-06-1812.
Pela lei provincial nº 152, de 30-03-1846, a vila foi extinta.
Sendo elevada à condição de cidade e sede do município com a denominação de Santo Agostinho do Cabo, pela lei provincial nº 1296, de 09-07-1877.
Pela lei municipal nº 3, de 07-12-1892, são criados os distritos de Jussaral e Ponte dos Carvalhos e anexados ao município de Cabo, sendo que o distrito de Ponte dos Carvalhos criados também pela lei municipal nº 94, de 18-11-1919.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído de 3 distritos: Cabo, Jussaral e Ponte dos Carvalhos. Pela lei municipal de 22-11-1922, é criado o distrito de Nazaré e anexado ao município de Cabo. Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município é constituído de 4 distritos: Cabo, Jussaral, Ponte do Carvalhos e Nazaré.
Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.
Pelo decreto-lei estadual nº 92, de 31-03-1938, o distrito de Nazaré passou a denominar-se Santo Agostinho.
No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 4 distritos: Cabo, Jussaral, Ponte dos Carvalhos e Santo Agostinho ex-Nazaré. Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 4 distritos: Cabo, Jussaral, Pontes dos Carvalhos e Santo Agostinho. Pela lei municipal n 1690, de 19-05-1994, o município de Cabo voltou a denominar-se Cabo de Santo Agostinho. Pela lei municipal nº 1690, de 19-05-1994, o município de Cabo passou a denominar-se Cabo passou a denominar-se Cabo de Santa Agostinho. Em divisão territorial datada de 15-VII-1997, o município é constituído de 4 distritos: Cabo de Santo Agostinho ex-Cabo, Jussaral, Pontes dos Carvalhos e Santo Agostinho. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2003.
Alteração toponímica municipal
Cabo para Cabo de Santo Agostnho alterado, pela lei municpal nº 1690, de 19-05-1994.

Formação Administrativa

Freguesia criada com a denominação de Cabo de Santo Agostinho, por provisão de 09-09-1622, e por Lei Municipal n.º 3, de 07-12-1892.
Elevado à categoria de vila com a denominação de Vila do Cabo de Santo Agostinho, por alvará de 27-07-1811 e provisão de 15-02-1812, desmembrado de Recife. Instalada em 18-06-1812.
Pela Lei Provincial n.º 152, de 30-03-1846, a Vila de Cabo de Santo Agostinho foi extinta, sendo seu território anexado ao município de Recife.
Elevada novamente à categoria de vila, com a denominação de Cabo de Santo Agostinho, pela Lei n.º 236, de 22-05-1949, sendo desmembrada do município de Recife.
Elevada à condição de cidade e sede, com a denominação de Santo Agostinho do Cabo, pela Lei Provincial n.º 1.296, de 09-07-1877.
Pela Lei Municipal n.º 3, de 07-12-1892, foram criados os distritos de Cabo, Jussaral e Ponte dos Carvalhos e anexados ao município de Santo Agostinho do Cabo. Pela Lei Municipal n.º 94, de 18-11-1919, é criado o distrito de Ponte dos Carvalhos e anexado ao município de Santo Agostinho do Cabo.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído de 3 distritos: Cabo (ex-Santo Agostinho do Cabo), Jussaral e Ponte dos Carvalhos.
Pela Lei Municipal de 22-11-1922 é criado o distrito de Nazaré e anexado ao município de Cabo.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1933 o município é constituído de 4 distritos: Cabo, Jussaral, Ponte do Carvalhos e Nazaré.
Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.
Pelo Decreto-lei Estadual n.º 92, de 31-03-1938, o distrito de Nazaré passou a denominar-se Santo Agostinho.
No quadro fixado para vigorar no período de 1939 a 1943 o município é constituído de 4 distritos: Cabo, Jussaral, Ponte dos Carvalhos e Santo Agostinho.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1950.
Pela Lei Municipal n.º 1.819, de 30-12-1953, o distrito de Jussaral teve sua grafia alterada para Juçaral.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 4 distritos: Cabo, Juçaral, Pontes dos Carvalhos e Santo Agostinho.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1993.
Pela Lei Municipal n.º 1.690, de 19-05-1994, o município de Cabo voltou a denominar-se Cabo de Santo Agostinho.
Em divisão territorial datada de 1997, o município é constituído de 4 distritos: Cabo de Santo Agostinho, Juçaral, Pontes dos Carvalhos e Santo Agostinho.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2014.

Fonte

Cabo de Santo Agostinho (PE). Prefeitura. 2015. Disponível: http://www.cabo.pe.gov.br/index.php/nossa-cidade/. Acesso em: jan. 2015.
© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística | v4.3.26.1