Aniversários dos Municípios
< Voltar
Selecionar local
Estados
Municípios
Todos
Por estado
Selecione o estado:
  • Acre
  • Alagoas
  • Amapá
  • Amazonas
  • Bahia
  • Ceará
  • Distrito Federal
  • Espírito Santo
  • Goiás
  • Maranhão
  • Mato Grosso
  • Mato Grosso do Sul
  • Minas Gerais
  • Paraná
  • Paraíba
  • Pará
  • Pernambuco
  • Piauí
  • Rio Grande do Norte
  • Rio Grande do Sul
  • Rio de Janeiro
  • Rondônia
  • Roraima
  • Santa Catarina
  • Sergipe
  • São Paulo
  • Tocantins
0 de 5570 municípios

Nenhum município encontrado.

Nenhum município encontrado.

Fotos

Não há fotos para este município

História

HISTÓRICO DO MUNICÍPIO DE ESTRELA VELHA-RS

Município situado na região Centro Serra do Estado do Rio Grande do Sul, possui terras férteis, patrimônio ecológico, e com o seu povo em parte descendente da colonização alemã e italiana sempre prontos para receber. Desfrute de sua culinária típica, ecoturismo e muitas festas e diversões....
Em 27 de abril de 1809, o Rio Grande do Sul (na época, Capitania Geral de São Pedro) foi dividido em quatro vilas: Porto Alegre, Rio Grande, Rio Pardo e Santo Antônio da Patrulha. Rio Pardo, a única do interior, englobava a maior parte do território gaúcho e quase desconhecido ainda. Essa divisão tinha como objetivo um melhor atendimento as necessidades locais, já que vários núcleos populacionais começavam a se espalhar pelo território.
A área atual do Município de Estrela Velha ficava, portanto, dentro dos Limites da Vila de Rio Pardo. Continuou sendo, mesmo após o desmembramento desta, em 1817 a 1832, com a criação das vilas de Cachoeira, Caçapava e Alegrete.
Criado em 1833, desmembrado de Rio Pardo, o município de Cruz Alta passa a ser assim constituído: primeiro distrito, Cruz Alta; segundo, São Martinho; terceiro, Botucaraí; quarto, Passo Fundo; quinto, Palmeira; sexto, São Miguel das Missões. Neste caso, a área de Estrela Velha estaria incluída no terceiro distrito, Botucaraí, que corresponderia à região de Soledade.
A Lei número 1197, de 30 de abril de 1879, repartiu o município de Soledade em cinco distritos e só em 1891 seria acrescentada ao nome do quinto distrito a parte correspondente a Estrela Velha, ou seja, na época Rincão da Estrela.
Em dezembro de 1927 é criado o município de Jacuí, atual Sobradinho. Com isso, parte da área atual do município de Estrela Velha passa a pertencer a ele. Com a instalação do município de Espumoso, em 1955, desmembrado também de Soledade, Sobradinho ganha mais uma parte, sendo estas terras pertencentes ao atual município de Estrela Velha.
Em 1964, é a vez de Arroio do Tigre se emancipar e dele faz parte todo o território do de Estrela Velha, dividido em dois distritos, o de Itaúba e o de Estrela Velha. São esses dois distritos que, com a Lei de Criação número 10.664 de 28 de dezembro de 1995, passam a constituir o novo município de Estrela Velha, funcionando administrativamente a partir de primeiro de janeiro de 1997.
A origem do nome Estrela Velha começou a ser definida em 1920, quando foi construída uma casa grande, sobre uma colina, a qual foi toda pintada de branco, utilizada como estabelecimento comercial, tendo como detalhe em sua fachada um escudo em forma de estrela, o qual tinha sido encontrado durante as escavações para a construção da casa. Conta-se que o escudo foi deixado neste local por combatentes que estiveram por ali acampados durante as revoluções, visto esta área ser rodeada por água, fator que os protegia por dificultar o acesso do inimigo.
A casa branca da estrela sempre serviu de estabelecimento comercial, tornando-se assim, ponto de referência para moradores dos arredores e viajantes que cruzavam estas paragens, uma vez que estava localizada à beira de uma estrada geral. Então, a região passou a ser conhecida como Estrela Velha, que originou o nome do Município. Hoje, o local onde se localizava a casa branca fica no centro da cidade.
O município é constituído por 4 distritos: Estrela Velha, Itaúba,Rincão da Estrela e São Luiz.

Fonte

Prefeitura Municipal
© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística | v4.3.28