Aniversários dos Municípios
< Voltar
Selecionar local
Estados
Municípios
Todos
Por estado
Selecione o estado:
  • Acre
  • Alagoas
  • Amapá
  • Amazonas
  • Bahia
  • Ceará
  • Distrito Federal
  • Espírito Santo
  • Goiás
  • Maranhão
  • Mato Grosso
  • Mato Grosso do Sul
  • Minas Gerais
  • Paraná
  • Paraíba
  • Pará
  • Pernambuco
  • Piauí
  • Rio Grande do Norte
  • Rio Grande do Sul
  • Rio de Janeiro
  • Rondônia
  • Roraima
  • Santa Catarina
  • Sergipe
  • São Paulo
  • Tocantins
[Vista da Avenida Borges de Medeiros em Porto Alegre (RS)] - 1955
Vista geral da cidade de Porto Alegre (RS) - 1955
[Vista da Avenida Borges de Medeiros em Porto Alegre (RS)] - 1955
Casas antigas de Porto Alegre (RS) - 1955
Vista parcial da cidade de Porto Alegre (RS) - 1955
Cidade de Porto Alegre (RS) - [195-]

Fotos da capital Porto Alegre

História

Alguns autores apontam que a identidade regional dos estados do Sul é fruto da formação social e territorial, única no Brasil, constituída socialmente no século XIX e politicamente entre 1892 e 1930.
O principal período de constituição dessa formação foi o século XIX e a formação especificamente do Rio Grande do Sul foi fruto do fato da fronteira estar em guerra, envolvido pelas disputas militares entre Portugal e Espanha pela posse da Colônia de Sacramento no século XVII. Seu território mesmo ora pertenceu à Espanha, ora a Portugal.
A partir de um dado momento, a fronteira ficava entre Porto Alegre e Rio Pardo e o Uruguai incorporado como Província Cisplatina. Depois veio a Revolução Farroupilha e as infindáveis guerras contra os Estados do Prata, que só terminaram em 1870. Nessas guerras, foi sempre o Rio Grande do Sul que forneceu os importantes contingentes em homens mesmo com a população desorganizada nas mobilizações militares. O território do estado era passagem obrigatória para que as tropas brasileiras atingissem os países do Prata.
Na época da substituição do trabalho escravo pelo livre, questão de grande importância na economia brasileira no século XIX, teve início uma relação importante entre abolição e imigração no Rio Grande do Sul. A imigração sufocou o setor escravista com falta de mão de obra, pois os imigrantes possuíam um destino em outro lugar que não o do trabalho ao lado dos escravos. Em meados do século XIX, o governo imperial estabeleceu a colonização não ibérica como um mundo diferente do escravista tradicional e que deveria inclusive opor-se a ele. O objetivo era iniciar a formação de uma classe média rural proprietária e não escravista para se contrapor ao poder dos latifundiários e escravistas.
Rio Grande do Sul possui 497 municípios e sua área total é de 281.730,223 km². Está situado na região Sul e tem por limites o estados de Santa Catarina, Argentina e Uruguai além do Oceano Atlântico.

Fonte

FUNDAÇÃO de Economia e Estatística Siegfried Emanuel Heuser. Disponível em: <http://www.fee.rs.gov.br/3-decadas/detalhe.php?ref=02&vol=volume1>. Acesso em: ago. 2017.

Não encontrou o que procurava?

Ajude-nos a manter o site com informações relevates.

© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística | v4.3.5
QR code