Aniversários dos Municípios
< Voltar
Selecionar local
Estados
Municípios
Todos
Por estado
Selecione o estado:
  • Acre
  • Alagoas
  • Amapá
  • Amazonas
  • Bahia
  • Ceará
  • Distrito Federal
  • Espírito Santo
  • Goiás
  • Maranhão
  • Mato Grosso
  • Mato Grosso do Sul
  • Minas Gerais
  • Paraná
  • Paraíba
  • Pará
  • Pernambuco
  • Piauí
  • Rio Grande do Norte
  • Rio Grande do Sul
  • Rio de Janeiro
  • Rondônia
  • Roraima
  • Santa Catarina
  • Sergipe
  • São Paulo
  • Tocantins
0 de 5570 municípios

Nenhum município encontrado.

Nenhum município encontrado.

Fotos

Não há fotos para este município

História

O território do atual município em seus primórdios era povoado por remanescentes de indígenas nativos, posseiros, grandes proprietários luso-brasileiros e alguns negros.
Naquela época, o sítio urbano e seus arredores se localizavam na antiga fazenda de João Garibaldino Rolin, um latifundiário que possuía uma área de terras de 5.815 hectares.
Na década de 1910, Maximiliano de Almeida, intendente municipal de Lagoa Vermelha, iniciou a colonização da fazenda, associando-se a firma madeireira Schiling Goelzer dividindo a terra em lotes coloniais e repartindo com imigrantes de Nova Prata, Veranópolis, Bento Gonçalves, Antonio Prado e outros municípios da região colonial italiana.
Os primeiros moradores foram Antônio Fabris, Antonio Stella e José Bedin.
Depois de chegados os primeiros colonizadores, seguiu-se um período de intensa derrubada de árvores e o panorama do local foi tomando um aspecto mais urbano. Novas culturas começaram a aparecer com a chegada de novas levas de colonizadores tais como as famílias: Canevese, Piva, Dal Piva, Guadagnin, Oro, Casanova, Slaviero, Dalla libera, Luchese, Marini, Martini, Guerra, Bocchi, Pomatti, Bonfiglio e Giardim.
Ibiraiaras chamou-se primeiramente “Serra do Carreiro” e depois “Colônia São José do Carreiro” em função de uma “capelinha” em homenagem a São José que os colonizadores levantaram e “Carreiro” devido ao principal rio que banha o município, um dos principais divisores de águas do estado.
A palavra Ibiraiaras é de origem indígena e significa Senhores da Mata.

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de São José do Carreiro, por Ato Municipal n.º 227, de 09-11-1927, subordinado ao município de Lagoa Vermelha.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de São José do Carreiro, figura no município de Lagoa Vermelha.
Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o distrito se denominar simplesmente São José.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o distrito de Hibiraiaras (ex-São José), figura no município de Lagoa Vermelha.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1960.
Elevado à categoria de município com a denominação de Ibiraiaras, pela Lei Estadual n.º 4.976, de 09-07-1965, desmembrado do município de Lagoa Vermelha. Sede no atual distrito de Ibiraiaras (ex-Hibiraiaras). Constituído do distrito sede. Instalado em 29-05-1966.
Em divisão territorial datada de 31-XII-1968, o município é constituído do distrito sede.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1983.
Pela Lei Municipal n.º 501, de 18-06-1988, é criado o distrito de São Sebastião (ex-localidade) e anexado ao município de Ibiraiaras.
Pela Lei Municipal n.º 522, de 28-10-1988, é criado o distrito de São Luiz (ex-localidade) e anexado ao município de Ibiraiaras.
Pela Lei Municipal n.º 523, de 28-10-1988, é criado o distrito de Nossa Senhora da Saúde (ex-localidade) e anexado ao município de Ibiraiaras.
Em divisão territorial datada de 1991, o município é constituído de 4 distritos: Ibiraiaras, Nossa Senhora da Saúde, São Luiz e São Sebastião.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Fonte

Ibiraiaras (RS). Prefeitura. 2013. Disponível em: http://www.ibiraiaras.rs.gov.br. Acesso em mar. 2013.
© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística | v4.3.33