Aniversários dos Municípios
< Voltar
Selecionar local
Estados
Municípios
Todos
Por estado
Selecione o estado:
  • Acre
  • Alagoas
  • Amapá
  • Amazonas
  • Bahia
  • Ceará
  • Distrito Federal
  • Espírito Santo
  • Goiás
  • Maranhão
  • Mato Grosso
  • Mato Grosso do Sul
  • Minas Gerais
  • Paraná
  • Paraíba
  • Pará
  • Pernambuco
  • Piauí
  • Rio Grande do Norte
  • Rio Grande do Sul
  • Rio de Janeiro
  • Rondônia
  • Roraima
  • Santa Catarina
  • Sergipe
  • São Paulo
  • Tocantins
0 de 5570 municípios

Nenhum município encontrado.

Nenhum município encontrado.

Fotos

Igreja Matriz de Viamão : Viamão, RS - 1966
Igreja Matriz de Viamão : Viamão, RS - [19--]
Igreja Matriz de Viamão : Viamão, RS - 1968
[Primeiro grupo de restauradores da Igreja Matriz : Praça Cônego Bernardo Machado dos Santos] : Igreja Matriz de Viamão : Viamão, RS - [1910]
Lago Tarumã : Viamão, RS - 1976
Lago Tarumã : Viamão, RS - [19--]
Veja mais fotos

História

No século XVIII o território do atual Rio Grande do Sul já deixara de ser apenas uma zona de passagem entre Laguna e Colônia do Sacramento. A riqueza de seus campos já fizera com que colonizadores aqui se fixassem. E entre esses, inclusive um dos integrantes da frota de João de Magalhães, Cosme da Silveira, que já em 1725 se teria localizado em terras do atual município de Viamão.
Em 1741, Francisco Carvalho da Cunha estabelece-se nos campos de Viamão, no sítio chamado Estância Grande, onde ergueu a capela dedicada a Nossa Senhora da Conceição.
Com a vinda de elementos açorianos, a quem foram doadas várias sesmarias, o povoamento recebeu grande impulso.
Elevada à categoria de freguesia em 1747, por ocasião da invasão castelhana (1766) se instalava nela a sede do governo da capitania. E em 1880 desmembra-se de Porto Alegre para tornar-se vila e sede do município. A importância histórica e social de Viamão iniciou quando foi sede das primeiras estâncias de criação de gado. Os grandes rebanhos de gado e cavalos, que existiam na campanha do Rio do Prata, transitavam por Viamão para serem comercializados em Laguna (SC).
A partir de 1732, O Rio Grande de São Pedro - como era conhecido o Rio Grande do Sul - passou a atrair colonizadores que se radicaram na região de Viamão. O município, portanto, foi um dos primeiros núcleos de povoamento do Estado (formado por lagunenses, paulistas, escravos e portugueses). Só a partir de 1752 chegaram os primeiros casais de imigrantes açorianos, que desembarcaram na região de Itapuã. Esses açorianos são os mesmos que colonizaram a região dos Porto dos Casais, atual capital do Estado. Além de Porto Alegre, a população de Viamão originou cidades como Santo Amaro, Triunfo, Rio Pardo, Taquari e as cidades do litoral norte. Os habitantes primitivos foram os índios mbyá-guaranis e kaingangs.
Em 1763, a cidade recebeu o governo do RS, que tinha a sede na Vila do Rio Grande, e que transferiu devido à invasão do estado pelos espanhóis. Viamão se conservou sede do governo até 1773. Nesta época, a sede foi transferida para Porto dos Casais (atual Porto Alegre). Viamão também foi palco de operações militares na época farroupilha. Até hoje, restos de embarcações farrapas repousam no fundo das águas do Guaíba, em Itapuã, no canal a Ilha do Junco e o Morro da Fortaleza.
A origem do nome Viamão é muito controversa. Uma das versões é a de que, a certa altura do Rio Guaíba, pode-se avistar cinco afluentes (rios Jacuí, Caí, Gravataí, Taquari e dos Sinos), que formam uma mão espalmada. Daí a frase: Vi a mão. Conforme alguns, seria originário do nome ibiamon, que significa Terras de Ibias (pássaros). Outros afirmam que seria uma passagem entre montes, o que chamavam de via-monte. E existe ainda o relato de que teria como origem o antigo nome da província de Guimarães, em Portugal: Viamara.

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Viamão, por Provisão de 14-09-1741, subordinado ao município de Porto Alegre.
Elevado à categoria de vila com a denominação de Viamão, por Lei Provincial n.º 1.247, de 11-06-1880, desmembrado de Porto Alegre. Foi sede provisória do governo da antiga capitania em 1763. Constituído do distrito sede. Instalado em 16-10-1880.
Por Ato Municipal n.º 07, de 07-02-1895, foram criados os distritos de Lombas, Estiva e Itapuan e anexados ao município de Viamão.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído de 3 distritos: Viamão, Itapuan e Lombas, não figurando o distrito de Estiva.
Por Ato Municipal n.º 14, de 31-01-1925, é criado o distrito de Passo da Areia e anexado ao município de Viamão.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município é constituído de 4 distritos: Viamão, Estiva, Itapuan e Passo da Areia, não aparecendo o distrito de Lombas.
Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.
Pelo Decreto Estadual n.º 7.199, de 31-03-1938, Passo da Areia figura como simples zona do distrito de Itapuã. Sob o mesmo decreto Estiva figura como simples zona do distrito de Viamão.
No quadro fixado para vigorar no período de 1944-1948, o município é formado por 2 distritos: Viamão e Itapuã.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o município é constituído de 2 distritos: Viamão e Itapuã.
Pela Lei Municipal n.º 216, de 22-09-1952, é criado o distrito de Passo do Feijó e anexado ao município de Viamão.
Pela Lei Municipal n.º 282, de 03-12-1953, é criado o distrito de Passo do Sabão e anexado ao município de Viamão.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o município é constituído de 4 distritos: Viamão, Itapuã, Passo do Feijó e Passo do Sabão.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1960.
Pela Lei Estadual n.º 736, de 20-06-1962, foram criados os distritos de Águas Claras, Capão da Porteira, Espigão e Passo da Areia e anexados ao município de Viamão.
Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 8 distritos: Viamão, Águas Claras, Capão da Porteira, Espigão, Itapuã, Passo da Areia, Passo do Feijó e Passo do Sabão.
Pela Lei Estadual n.º 5.026, de 17-09-1965, desmembra do município de Viamão o distrito de Passo do Feijó. Elevado à categoria de município com a denominação de Alvorada.
Pela Lei Estadual n.º 10.626, de 28-12-1995, as localidades de Parque Índio e Jarí deixa de pertencer o município de Viamão para ser anexado ao município de Porto Alegre.
Em divisão territorial datada de 1-I-1979, o município é constituído de 7 distritos: Viamão, Águas Claras, Capão da Porteira, Espigão, Itapuá, Passo da Areia e Passo do Sabão.
Em divisão territorial datada de 1999, o município é constituído de 8 distritos: Viamão, Águas Claras, Capão da Porteira, Espigão, Itapuã, Passo da Areia, Passo do Sabão e Vianópolis.
Pela Lei Municipal n.º 2.087, de 08-04-1991, é criado o distrito de Viamópolis e anexado ao município de Viamão.
Em divisão territorial datada de 2003, o município é constituído de 8 distritos: Viamão, Águas Claras, Capão da Porteira, Espigão, Itapuã, Passo da Areia, Passo do Sabão e Viamópolis.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2009.

Fonte

Viamão (RS). Prefeitura. 2011. Disponível em: http://www.viamao.rs.gov.br. Acesso em: maio 2011.
© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística | v4.3.28