Aniversários dos Municípios
< Voltar
Selecionar local
Estados
Municípios
Todos
Por estado
Selecione o estado:
  • Acre
  • Alagoas
  • Amapá
  • Amazonas
  • Bahia
  • Ceará
  • Distrito Federal
  • Espírito Santo
  • Goiás
  • Maranhão
  • Mato Grosso
  • Mato Grosso do Sul
  • Minas Gerais
  • Paraná
  • Paraíba
  • Pará
  • Pernambuco
  • Piauí
  • Rio Grande do Norte
  • Rio Grande do Sul
  • Rio de Janeiro
  • Rondônia
  • Roraima
  • Santa Catarina
  • Sergipe
  • São Paulo
  • Tocantins
0 de 5570 municípios

Nenhum município encontrado.

Nenhum município encontrado.

Fotos

Não há fotos para este município

História

Estância Sergipe - SE

Histórico
Permanece ainda ignorada a data exata em que se verificou a primeira penetração no território que hoje constitui o município de Estância. Supõe-se que isto se haja verificado em fins do século XVI ou princípios do XVII.
A própria identidade de Pedro Homem da Costa, apontado como fundador da cidade, tem provocado controvérsias entre os historiadores. Enquanto uns o consideram cidadão de origem mexicana, vítima de naufrágio ocorrido nas proximidades da foz do rio Real, outros admitem ter ele sido parente de Garcia d’Avila, senhor da lendária Casa da Torre, em Tatuapora, na Bahia, que o teria incumbido de fundar uma estância.
Para alguns estudiosos, Pedro Homem da Costa, após longos anos de peregrinações pelo interior sergipano, chegou à região onde se radicou, fascinado pelas condições naturais do local. Mais tarde, teria erguido nessas terras uma capela, dedicada a Nossa Senhora de Guadalupe.
O que é indiscutível é que D. Marques Antônio de Souza, em livro editado em 1808, fez menção à 'formosa povoação de Estância', dizendo que 'em uma praça quadrilonga da sobredita povoação existe uma capela majestosa de Nossa Senhora de Guadalupe, onde se administram os sacramentos aos circunvizinhos da referida povoação'.
Em 1831, a povoação de Estância, em vista de suas promissoras condições sócio-econômicas, obteve, por Decreto de 25 de outubro, sua emancipação, recebendo o nome de Vila Constitucional da Estancia.
O nível cultural alcançado pela localidade, já em 1832, evidencia-se pelo aparecimento do 'Recopilador Sergipano' o primeiro jornal editado em Sergipe.
Em 1848, a Lei provincial n.° 209, de 4 de maio, concedeu foros de cidade à sua sede municipal.
Atualmente, Estância é dos principais municípios industriais de Sergipe - grande centro da indústria têxtil, sobretudo.
Segundo a divisão administrativa vigente em 31 de dezembro de 1956' o município de Estância é composto de apenas um distrito - o de mesmo nome.
Gentílico: estanciano

Formação Administrativa
Elevado à categoria de vila com a denominação de Vila Constitucional da Estância, pelo decreto de 25-10-1831. Sede na povoação de Vila Constitucional da Estância.
Elevado à condição de cidade com a denominação Vila Constitucional da Estância, pela lei provincial nº 209, de 04-05-1848.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município se denomina Estância é constituído do distrito sede.
Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.
Alteração toponímica municipal
Vila constitucional da Estância para Estância alterado, em 1911.

Fonte

IBGE
© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística | v4.3.33