Aniversários dos Municípios
< Voltar
Selecionar local
Estados
Municípios
Todos
Por estado
Selecione o estado:
  • Acre
  • Alagoas
  • Amapá
  • Amazonas
  • Bahia
  • Ceará
  • Distrito Federal
  • Espírito Santo
  • Goiás
  • Maranhão
  • Mato Grosso
  • Mato Grosso do Sul
  • Minas Gerais
  • Paraná
  • Paraíba
  • Pará
  • Pernambuco
  • Piauí
  • Rio Grande do Norte
  • Rio Grande do Sul
  • Rio de Janeiro
  • Rondônia
  • Roraima
  • Santa Catarina
  • Sergipe
  • São Paulo
  • Tocantins
0 de 5570 municípios

Nenhum município encontrado.

Nenhum município encontrado.

Fotos

Não há fotos para este município

História

A história do município de Alumínio iniciou por ocasião da construção da Cia. Sorocabana de Estrada de Ferro e quando o Cel. Antônio Proost Rodovalho ao tomar conhecimento das reservas de calcário existentes, adquiriu terras nas proximidades do município de São Roque, dando a elas o nome de Fazenda Santo Antônio. Ao comprar a fazenda surgiu a primeira iniciativa para a fabricação de aglomerantes hidráulicos e as primeiras providências para a instalação de uma fábrica de cimento. Assim, após a construção de um prédio em 1892, deu-se início à fabricação do cimento Rodovalho.
Após a construção da Estrada de Ferro Sorocabana (atualmente Ferroban), foi necessário a construção de uma estação ferroviária para escoamento da produção de cimento. Concluída em 10 de julho de 1895, esta estação é aberta ao tráfego e recebe o nome de Estação Rodovalho, em homenagem ao proprietário da Fábrica de cimento.
Em 1921, por motivos desconhecidos a fábrica é fechada e em seguida vendida para o imigrante português, Antônio Pereira Ignácio que continuou com a fabricação de cimento. Como a indústria de cimento dava bons resultados, em 1935, Antônio Pereira Ignácio, resolveu construir uma grande fábrica de cimento no bairro de Santa Helena, em Votorantim.
Com a inauguração dessa fábrica em 1936, o cimento passou a se chamar “Cimento Votoran”, prevalecendo com esse nome até os dias atuais. Nessa época a fazenda que se chamava Fazenda Santo Antônio, passou a bairro do município de Mairinque e passou a denominar-se Rodovalho. Portanto, em Rodovalho ficou somente a indústria de cal hidráulica, olarias, extração de pedras e a exploração de lenha para suprir as necessidades da empresa que continuava sendo administrada, também por Pereira Ignácio. Este, diante de sua visão empreendedora e já formada a Sociedade Anônima Votorantim, em 1941, iniciou a montagem, no local, da fábrica de alumínio com a perspectiva de exploração do minério da bauxita, para a produção de alumínio.
Antônio Pereira Ignácio e seu genro, José Ermírio de Moraes, iniciaram as atividades da nova fábrica, a Cia. Brasileira de Alumínio (C.B.A), que teve sua inauguração em 04 de junho de 1955, empresa hoje conhecida mundialmente. Com a instalação da C.B.A, o bairro passou a chamar-se Alumínio, assim como a Estação Ferroviária. Entretanto, continuou a pertencer ao município de Mairinque.

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Alumínio, pela Lei Estadual n.º 2.343, de 14-05-1980, subordinado ao município de Mairinque.
Em divisão territorial datada de 1988, o distrito de Alumínio figura no município de Mairinque. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1991.
Elevado à categoria de município com a denominação de Alumínio, pela Lei Estadual n.º 7.644, de 30-12-1991, desmembrado do município de Mairinque. Sede no antigo distrito de Alumínio. Constituído do distrito sede. Instalado em 01-01-1993.
Em divisão territorial datada de I-VI-1995, o município é constituído do distrito sede.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2017.

Fonte

Alumínio (SP). Prefeitura. Disponível em: http://aluminio.sp.gov.br/a-cidade/historia/. Acesso em: set. 2017.
© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística | v4.3.40