Aniversários dos Municípios
< Voltar
Selecionar local
Estados
Municípios
Todos
Por estado
Selecione o estado:
  • Acre
  • Alagoas
  • Amapá
  • Amazonas
  • Bahia
  • Ceará
  • Distrito Federal
  • Espírito Santo
  • Goiás
  • Maranhão
  • Mato Grosso
  • Mato Grosso do Sul
  • Minas Gerais
  • Paraná
  • Paraíba
  • Pará
  • Pernambuco
  • Piauí
  • Rio Grande do Norte
  • Rio Grande do Sul
  • Rio de Janeiro
  • Rondônia
  • Roraima
  • Santa Catarina
  • Sergipe
  • São Paulo
  • Tocantins
0 de 5570 municípios

Nenhum município encontrado.

Nenhum município encontrado.

Fotos

Não há fotos para este município

História

RINÓPOLIS SÃO PAULO
HISTÓRICO
O desbravamento do território de Rinópolis foi marcado por grandes dificuldades, em virtude das barreiras oferecidas pela exuberância daa mata virgem que dominava a região.
Em 1927, a empresa proprietária da extensa gleba de terras na margem esquerda do rio Aguapeí ou Feio, Hélio Piza e irmão, colocou à venda 126.000 alqueires, despertando o interesse de Eugênio Rino que, de Pirajuí, mandou seus filhos Domingos e Eugênio Rino Filho, seu genro, Francisco Nascimento Silva e o representante de Hélio Piza, Orozimbo Durval, a fim de examinarem a fertilidade do solo.
Após a informação, Eugênio Rino, adquiriu 2745 alqueires, contratando o Engenheiro Marcondes Filho para a demarcação das mesmas.
Em virtude de doença, outro profissional prosseguiu os trabalhos, desaparecendo contudo na mata.
Mandou então Eugênio Rino, novamente e seus filhos e genro à procura do engenheiro, encontrando-o quatro dias após, atravessarem o rio Feio e descerem o Ribeirão Itaúna, onde este recebe as águas do Córrego Bri.
Neste local iniciaram um povoado, atraindo outros interessados, como Luiz Wolff e Antônio Rodrigues da Cunha, que com os Rino e uma turma de trabalhadores abriram, em 1928, uma estrada para Piacatu, facilitando a penetração de inúmeras famílias.
Em 1932, o Coronel Eugênio Rino, loteou o espigão divisor de águas entre os córregos da Andorinha, Itaqui e o Ribeirão Itaúna, do qual são afluentes, estabelecendo-se aí o patrimônio batizado de Rinópolis, em homenagem ao proprietário e fundador.
A ligação de Rinópolis com a Cia. Paulista de Estrada de Ferro e interligação com a Sorocabana e mesmo com outras povoações vizinhas se fez graças à cooperacão de seus habitantes que, em todas as oportunidades, atenderam aos apelos dos fundadores.

GENTÍLICO: RINOPOLENSE
FORMAÇÃO ADMINISTRATIVA
Distrito criado com a denominação de Rinópolis, por Lei nº 3024, de 4 de agosto de 1937, no Município de Araçatuba.
Na divisão territorial datada de 31-VII-1937 e no quadro anexo ao Decreto-Lei Estadual no 9073, de 31 de março de 1938, Rinópolis, figura como Distrito Judiciário do Município de Araçatuba.
Decreto-lei Estadual no 9775, de 30 de novembro de 1938, transfere o Distrito de Rinópolis do Município de Araçatuba para o de Tupã.
Fixado o quadro territorial para vigorar no qüinqüênio 1939-1943, o Distrito ainda figura no Município de Tupã.
Elevado à categoria de município com a denominação de Rinópolis, por Decreto-lei Estadual nº 14334, de 30 de novembro de 1944, desmembrado de Tupã, com sede na Vila de Rinópolis. Constituído do Distrito Sede. Sua instalação verificou-se no dia 01 de janeiro de 1945.
Em divisão territorial datada de 01-VII-1960, o município é constituído do Distrito Sede.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 15-VII-1999.

Fonte

IBGE
© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística | v4.3.25.3