Aniversários dos Municípios
< Voltar
Selecionar local
Estados
Municípios
Todos
Por estado
Selecione o estado:
  • Acre
  • Alagoas
  • Amapá
  • Amazonas
  • Bahia
  • Ceará
  • Distrito Federal
  • Espírito Santo
  • Goiás
  • Maranhão
  • Mato Grosso
  • Mato Grosso do Sul
  • Minas Gerais
  • Paraná
  • Paraíba
  • Pará
  • Pernambuco
  • Piauí
  • Rio Grande do Norte
  • Rio Grande do Sul
  • Rio de Janeiro
  • Rondônia
  • Roraima
  • Santa Catarina
  • Sergipe
  • São Paulo
  • Tocantins
0 de 5570 municípios

Nenhum município encontrado.

Nenhum município encontrado.

Fotos

Vila de Sete Barras : localizada à margem esquerda do Iguape, conservando primitivo aspecto (SP) - 1958
Veja mais fotos

História

SETE BARRAS SÃO PAULO
HISTÓRICO
Quanto à origem do nome Sete Barras, existem duas correntes de opinião: uma atribui o nome ao fato da pequena Vila, que deu origem à Cidade, estar situada nas proximidades da orla do sétimo afluente do Ribeira, a contar de sua foz, e a outra, às lendas ligadas à exploração de ouro na região, no início da colonização, entre elas a das Sete Barras de ouro perdidas.
No século XIX, José Carlos Toledo doou publicamente ao divino Espírito Santo uma área de dois alqueires de terra, à margem esquerda do rio Ribeira do Iguape, para que ali fosse construída uma capela em seu louvor.
Não se passaram muitos anos entre a implantação da capela e a elevação da aldeia ali existente à Distrito de Paz, do Município de Xiririca (hoje Eldorado), através da Lei Provincial n.º 58, de 21 de março de 1885.
Em 1944, quando da criação do Município de Registro (desmembrado de Iguape), o Distrito de Sete Barras passou a integrar a nova cidade, à qual estava ligada por estrada e por curso d’água.
Pouco mais de treze anos depois, começou o movimento pela autonomia do Distrito, culminando com a emancipação político-administrativa em 18 de fevereiro de 1959, através da Lei nº 5285, tendo como primeiro Prefeito Sebastião Madaleno de Moraes.
GENTÍLICO: BARRENSE

FORMAÇÃO ADMINISTRATIVA
O Distrito de Sete Barras criado por Lei Provincial nº 58, de 21 de março de 1885.
O Distrito de Sete Barras foi transferido do Município de Iguape para Xiririca por Lei Provincial nº 66, de 2 de abril de 1887.
Em divisão administrativa do Brasil referente ao ano de 1911, figura no Município de Xiririca o Distrito de Sete Barras.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o Distrito de Sete Barras permanece no Município de Xiririca.
Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, Sete Barras é Distrito judiciário e figura no Município de Xiririca.
No quadro anexo ao Decreto-lei Estadual nº 9073, de 31 de março de 1938, o Distrito de Sete Barras permanece no Município de Xiririca.
No quadro fixado pelo Decreto Estadual nº 9775, de 30 de novembro de 1938, para 1939-1943, o Distrito de Sete Barras permanece no Município de Xiririca.
Pelo Decreto-lei Estadual nº 14334, de 30 de novembro de 1944, o Distrito de Sete Barras foi transferido do Município de Xiririca para o de Registro, onde figura em 1945­1948.
Permanece no Município de Registro nos quadros territoriais fixados pelas Leis Estaduais nos 233, de 24-XII-1948 e 2456, de 30-XII-1953 para vigorar, respectivamente, nos períodos 1949-53 e 1954-58.
Elevado à categoria de Município pela Lei Estadual nº 5285, de 18 de fevereiro de 1959, desmembrado do Município de Registro com sede no Distrito de Sete Barras. Constituído do Distrito sede. Sua instalação verificou-se no dia 01 de janeiro de 1960.
Em divisão territorial datada de 01-VII-1960, o Município de Sete Barras é formado apenas do Distrito sede.

Fonte

IBGE
© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística | v4.3.39